O Música em Trancoso 2018

26/02/2018   /   byPorto Na Balada  / Categories :  TRANCOSO
o-musica-em-trancoso-2018

O Música em Trancoso 2018 acontece do dia 3 a 10 de março, no Teatro L’Occitane, na sua 7ª edição.

O Música em Trancos 2018, o maior evento cultural do Sul da Bahia chega à 7ª edição com muitas novidades, grandes nomes da música clássica e popular, além de mais atrações gratuitas ao ar livre. Consagrado nacional e internacionalmente e com produção e direção artística do Mozarteum Brasileiro, o festival Música em Trancoso (3 a 10 de março) terá uma programação eclética e diversificadaoito noites com apresentações de música clássica, ópera, breakdance, jazz & soul, rock e concerto especial com músicas da Broadway. Com sucesso cada vez maior, ano após ano, o Música em Trancoso, vem se firmando como fomentador sociocultural, turístico e econômico na região.

O 7º festival Música em Trancoso terá a participação de 250 artistas, de diferentes nacionalidades e estilos. A Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro irá se apresentar em duas noites, regida pelos maestros Carlos Moreno (titular) e pelo alemão Wolfgang Roese (convidado), conhecido por criar espetáculos inovadores, ao combinar músicas populares ao contexto clássico. Visando incentivar e valorizar talentos brasileiros, o Música em Trancoso terá a participação do Coro Música em Trancoso (uma junção do Coro Canto em Trancoso e do Coral Jovem do Estado), iniciativa do Mozarteum Brasileiro, além da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, convidada para compor a programação do festival.

Os jovens integrantes de orquestras e coros também participarão de atividades socioeducativas, como as masterclasses. A presença e o desempenho dos jovens músicos nessas aulas especiais, ao lado de importantes solistas profissionais convidados para o festival, abre caminho para a revelação de talentos, com a possibilidade de gerar oportunidades internacionais, como bolsas de estudos no exterior.

Noites Sinfônicas

Música Sinfônica + Quadros de uma Exposição (3 de março) – Essa edição do Música em Trancoso terá duas noites dedicadas à música sinfônica com uma grande peça em cada uma delas. Na noite de abertura, Carlos Moreno, regente titular da Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro e um dos principais apoiadores da instituição, comandará o grupo na primeira parte do concerto, para execução da Sinfonia nº 7 de Beethoven. Após o intervalo, o maestro Wolfgang Roese assume a liderança da Orquestra, que terá a presença do Coro Música em Trancoso e do pianista polonês Maciej Pikulski, para a apresentação da célebre peça de Modest Mussorgsky, Quadros de uma Exposição.

Música Sinfônica + Porgy & Bess (4 de março) – O maestro Moreno volta ao palco para reger a OAMB na primeira parte do espetáculo. Na sequência, a ópera de George Gershwin (Porgy & Bess) será executada pelo Coro da noite anterior, com regência de Roese. Conhecida no mundo erudito internacional, a peça conta a história de Porgy, que tenta resgatar sua amada Bess, e tem a célebre canção Summertime em seu libreto. A noite também terá a presença da soprano Ebony Preston e do barítono Derrick Lawrence.

Dança

Breakdance (5 de março) – Essa é a maior novidade do festival: a inclusão de um espetáculo de dança em sua programação. Para muitas pessoas, é inconcebível juntar música clássica com dança de rua, mas o grupo alemão Flying Steps, tetracampeão mundial de breakdance, chega ao Brasil com a apresentação Red Bull Flying Bach, adaptação única e inovadora da peça Cravo Bem Temperadode Johann Sebastian Bach. Uma combinação surpreendente de piano, cravo e música eletrônica com o estilo de dança da cultura hip-hop.

Segundo o jornalista Gero Schliess, da Deutsche Welle, “ao assistir a jovens dançarinos girando sobre o solo, leves como pluma, eu senti um vigoroso sentimento de liberdade que está escasso em Berlim. Os dançarinos não estão apenas libertos da lei da gravidade, mas também de convenções e constrangimentos”.

O show Red Bull Flying Bach já foi visto em 35 países, encantou mais de 500 mil pessoas e recebeu o Prêmio Especial ECHO Klassik, a mais prestigiosa distinção de música da Alemanha. Aclamado pela crítica, o show também foi elogiado pelo jornal alemão Spiegel: é “um experimento ousado, de sucesso estrondoso”.

Rock, Jazz e Soul

Divas (6 de março) – Uma noite dedicada às mulheres, protagonistas do espetáculo. No palco do Teatro L’Occitane, entram em cena a mezzo-soprano alemã Angelika Kirchschlager e as cantora de jazz americana Brenda Boykin e a de rock marroquina Mennana Ennaoui. Com estilos e nacionalidades diferentes, elas executarão um repertório diversificado, de músicas dos Beatles, The Rolling Stones, Cole Porter e Frank Sinatra a composições clássicas de Bach e Franz Schubert, entre outros. O acompanhamento instrumental ficará a cargo de Wolfgang Roese ao piano, Arnulf Ochs na guitarra, Jean-Marc Robin na bateria e Jens Loh no baixo.

 

Jazz & Soul (7 de março) – Já uma tradição no Música em Trancoso, uma das noites é dedicada ao Jazz & Soul. Desta vez, o destaque é o trombonista sueco Nils Landgren, que já colaborou com grandes nomes da música, como ABBA e Wyclef Jean. Para acompanhá-lo, Brenda Boykin sobe mais uma vez no palco, com Arnulf Ochs na guitarra, Jean-Marc Robin na bateria e Jens Loh no baixo. O programa da noite incluirá hits de James Taylor, Willie Nelson e Sting, entre outros.

Música de Câmara, Broadway e Ópera

Música de Câmara (8 de março)  Essa é uma oportunidade para o público prestigiar o talento dos alunos selecionados nas masterclasses, aulas gratuitas que ocorrem durante toda a semana do festival. Os jovens terão o privilégio de tocar ao lado de músicos profissionais de primeira linha, como os alemães Lorenz Nasturica, violinista e diretor da Orquestra de Câmara da Filarmônica de Munique; Matthias Ambrosius, clarinetista da Opern auf Bayrisch, o francês Félix Dervaux, trompista da Orquestra Real Concertgebouw, e o trompetista russo Timur Martynov.

Broadway (9 de março) – Na reta final para o encerramento do 7º Música em Trancoso, a penúltima noite terá uma programação importada de Nova York. A Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, regida pelo maestro Eliseu Ferreira, executará um repertório de grande peças da Broadway, como Fantasma da ÓperaMy Fair LadyCantando na ChuvaEvita e vários outros. Os solistas convidados são a mezzo-soprano Angelika Kirchschlager, o barítono Derrick Lawrence, a soprano polonesa Joana Woś, o tenor, também polonês, Tadeusz Szlenkier e o violinista Lorenz Nasturica.

Ópera (10 de março) – Na última noite do festival, o regente francês Benoit Fromanger conduz a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, acompanhando novamente Kirchschlager, Woś e Szlenkier, com a presença extra do barítono russo Alexander Kasyanov. O grupo e os convidados especiais executarão peças conhecidas do grandepúblico,como RigolettoLa GiocondaCarmenDon Giovanni e outras.

  • Follow us:

Posts Relacionados